Siga nossas redes sociais

Coluna

Filmes que você vai amar, odiar ou entender nada

Publicado

em

As formas de explorar e narrar uma história são bastante amplas, principalmente dentro do universo cinematográfico, onde vários diretos e roteiristas estão sempre se propondo a impactar, de certa forma, o público com novidades e referências incríveis. Porém, nem sempre esses títulos são os favoritos do público, por isso reunimos cinco longas-metragens que você pode amar, odiar ou entender absolutamente nada.

Confira a lista abaixo e compartilhe um título que se enquadre nessa temática nos comentários.

Midsommar (Reprodução/Internet)

1- Midsommar

É quase impossível começar essa lista sem mencionar primeiramente Midsommar, um filme que dividiu opiniões e teorias na internet. Na história acompanhamos Dani lidando com uma tragédia pessoa ao lado do namorado Christian e um grupo de amigos na Suécia, onde participam de um solstício de verão de uma comunica bastante diferente da sua realidade. Mas, ao longo dos dias, eventos sinistros acontecem e rituais bizarros de uma adoração pagã pode colocar todos em risco.

Este não é um filme que se explica, é preciso muita compreensão, ligar as referências e analisar os mínimos detalhes para se quer levantar uma teoria do enredo. A história em si é muito interessante, mas a partir de determinado momento começa ficar complexa, e é devido esta complexidade que o longa-metragem encanta muitos, decepciona alguns e faz com que vários compreendam nada.

Nós (Reprodução/Internet)

2- Nós

Seguido pela indicação anterior, este, de longe, é um dos longas-metragens com plot twist avassalador. O filme narra a história de uma família passando final de semana em outro lugar, próximo a praia, mas começam a correr risco de vida após um grupo de pessoas semelhantes a eles colocarem todos de reféns.

Nós é mais um terror de Jordan Peele (Corra!, 2018) e como de costume, ele levanta muitas críticas sociais e raciais, mas o seu forte é todo suspense propostos pelas cenas. O título não é carregado de símbolos e alusões, mas traz uma história que requer muita atenção para ser compreendida, o que agrada alguns e incomoda outros.

Parasita (Reprodução/Internet)

3- Parasita

Este foi um grande marco para o mercado cinematográfico em 2019, o diretor Bong Joon-ho garantiu uma produção recheada de detalhes significantes e com muito importantes. No enredo, acompanhamos uma família rica se infiltrando sigilosamente em uma casa de família luxuosa com seus serviços, mas em determinado momento todo plano entra em risco.

O filme pode ser um dos mais compreensíveis desta lista, até porque ao longo das cenas tudo é explicitamente informado, mas acaba sendo duvidoso para algumas pessoas que não se atentam ao enredo e seus detalhes. O diretor trabalhou minuciosamente em diversas jogadas de câmeras, fotografias e elementos do tipo, o que faz toda diferença na moral da história.

O Poço (Reprodução/Internet)

4- O Poço

O filme foi lançado timidamente na Netflix e sem qualquer expectativa dos assinantes, mas logo se popularizou devido sua narrativa complexa, eletrizante e instigante. Na história, é narrado os dias de um homem dentro da prisão vertical que concede todos os prisioneiros um baquete que começa ser distribuído do primeiro andar até o último, porém a situação se agrava conforme o andar que você está e para qual será transferido depois de uma determinada frequência, já que os alimentos não conseguem ser o suficiente para todos.

O Poço é bastante interessante, mas estressa aos que não gostam de assistir a um filme sem conclusão direta. O longa-metragem é composta por um enredo que segura até o final, mas se materializa por meio de referências culturais, símbolos e alusões, sendo um grande entretenimento para alguns, uma perca de tempo para outros e cenas incompreensíveis para vários.

Bacurau (Reprodução/Internet)

5- Bacurau

Esta é uma produção nacional que foi bastante aclamada por vários críticos nacionais e internacionais, mas que desde o lançamento causou diversas discussões nas redes sociais, inclusive sendo alvo de boicote por algumas redes de cinemas do Brasil. No filme, acompanhamos os moradores de um pequeno povoado do sertão, chamado Bacurau, notando um estanho movimento na região, principalmente com a passagem de dois sulistas. Porém, os eventos suspeitos continuam quando drones, vítimas de tiros e cadáveres começaram aparecer.

O filme é carregado de cenas com significados explícitos, mas que para algumas pessoas basta um tempo para compreender a situação. Com cenas e atuações simples que transparece a simplicidade dos moradores do povoado, Bacurau consegue conquistar uma legião. Incomodar alguns e fazer outros não compreenderem toda a ideia da narrativa.

Copyright © 2020 Desencaixados. Todos os direitos reservados.