RESENHA: Quem quer este rinoceronte?
18 jun

RESENHA: Quem quer este rinoceronte?

Notícias, Resenhas

Victor Tadeu

Título: Quem quer este rinoceronte?
Autor: Shel Silversteins
Editora: Companhia das Letrinhas
Gênero: Infantil
Número de páginas: 64
SKOOB

Adquira aqui: Amazon

Sinopse: Você já está cansado de ter bichos de estimação comuns como cachorros, gatos e peixinhos dourados? Que tal arriscar adotar um rinoceronte? Ele pode ser muito útil! Dá um belo abajur, abre latinhas de refrigerante para seu pai e ama brincar de esconde-esconde — tem coisa mais divertida do que isso?
Com sua prosa simples e cheia de graça, Shel Silverstein conta a todas as crianças as vantagens de se ter um bicho de estimação — um tanto inusitado — em casa.

Shel Silverstein é um clássico da literatura infantil que explodiu em território brasileiro durante 2018, principalmente após o lançamento de A Parte que Falta, que teve uma grande repercussão através do vídeo em forma de análise realizado pela youtuber JoutJout. Ele já ganhou continuação lançada no mesmo ano (A Parte que Falta Encontra o Grande O), porém em 2019 mais uma obra do autor e ilustrador chega no Brasil.

Quem quer este rinoceronte? gira em torno de uma criança colocando o seu inusitado animal de estimação à venda, sim, ela criava um rinoceronte dentro de casa e agora precisa deixar outro coleguinha ter a mesma experiência. Na tentativa de convencer o interessado em adquirir o animal, ela apresente as incríveis prioridade de ter um rinoceronte de grande porte como amigo.

Quem quer este rinoceronte?, escrito por Shel Silverstein, é uma obra infantil publicado pela Companhia das Letrinhas, um selo dedicado às crianças do Grupo Companhia das Letras, onde os pequenos conhecerão um rinoceronte bastante dinâmico sendo vendido.

Apostando na imaginação infantil o livro consegue ser tão interessante ao ponto de divertir até mesmo um adulto. Na tentativa funcional de demonstrar como a inocência de um pequeno pode levá-lo para grandes aventuras, a história acaba sendo hipnotizante e de fácil compreensão, automaticamente atendendo um público bastante amplo.

Nos outros títulos de Shel Silverstein acabaram surgindo diversas interpretações por inúmeros leitores, isso aconteceu porque as histórias faziam alusões à possíveis realidades de algumas pessoas. Porém, esta obra não atende este quesito, o que torna um enredo infantil e ideal para quem realmente quer se aventurar nas invenções especulativas de uma criança, sendo uma opção de leitura fantástica para aprofundar a criatividade do pequeno.

Mesmo apresentando o rinoceronte para venda, o narrador introduz os prós e contras de ter o animal dentro de casa; não indo muito além disso. Por respeitar esse limite necessário dentro do enredo, a história acaba sendo desenvolvida apenas para arrancar risos e mais paixões pelo autor.

Shel Silverstein é um escritor sem rodeios na escrita, onde consegue agradar e desenvolver histórias incríveis para qualquer pessoa. Apostando nas mirabolantes e situações quase impossíveis da criança junto com o animal, acaba sendo levantado um humor muito gostoso de acompanhar, principalmente ao lado das ilustrações simples, cativantes e apaixonantes, deixando tudo mais flexível.

Como todas as outras obras da Companhia das Letrinhas, esta edição também contém capa dura e uma qualidade de material bastante reforçada, atentado-se na qualidade de leitura da criança. Apostando em um formato semelhante às outras obras do autor, os exemplares são retangulares, contém uma diagramação mesclada com ilustrações muito confortáveis, e, além disso, o trabalho de capa é simples e instiga aos curiosos, possivelmente sendo destaque nos olhos infantis.

Quem quer este rinoceronte? é uma obra simples, divertida e agradável para todo mundo. Girando em torno de um personagem hilário e um narrador bastante criativo, os mais novos divertirão com o enredo e os mais velhos retornarão ser criança, ou até mesmo, sentirão saudade da época onde tudo era possível.

Comentários