Postado por: Victor Tadeu

Série: Garotas no Cárcere
Título Original: Girls Incarcerated
Data de Lançamento: 02 de Março de 2018
Duração: 40 min. por eps.
Criador: Netflix
Gênero: Documentário
Nacionalidade: EUA

Sinopse: A série documental da Netflix destaca as lutas do dia-a-dia das jovens mulheres na Madison Penalty Facility. Nesta facilidade de Indiana, as adolescentes de diferentes origens com convicções variadas enfrentam todos os problemas que qualquer estudante de ensino médio enfrenta: lutas com seus estudos, tensão entre amigos (e inimigos) e dias emocionais. Muitas das meninas escondem-se sob os exteriores endurecidos que criaram para se proteger, mas no final do dia, eles querem apenas algo melhor – e é isso que vários funcionários da Madison parecem querer para eles também.

 

Madison Juvenile Correction Facility (Centro de Correção Juvenil) é uma prisão localizada em Madison (Indiana – EUA), nela são aprisionadas somente garotas adolescentes de todos os estados. Durante todos os anos eles recebem meninas de comunidades pequenas e outras de grandes urbanas que infelizmente saíram das leis estabelecidas no ambiente em que viviam. É comprovado que a prisão não é uma forma de pena, mas sim, um programa na qual elas passam por apoio psicólogo e dependência química, realizam tarefas acadêmicas e várias outras ações.

No dia 02 de Março de 2018 a Netflix publicou em seu catálogo um documentário em formato de série. Esse título foi produzido pela própria empresa e contém 8 episódios com uma média de 40 minutos documentando o dia a dia das prisioneiras fazendo de tudo para concluir os dias que deverão permanecer dentro do Centro de Correção Juvenil. Ao decorrer dos episódios o Assinante Netflix também vai saber entender como funciona o sistema dentro da prisão, como as adolescentes conviveram após a correção e, além disso, como todos lidam com a situação.

Em cada episódio vamos conhecendo o pouco de cada uma delas, mas algumas recebem um destaque maior devido os seus comportamentos, estilo de vida e motivos que as levaram para dentro de Madison Juvenile Correctional Facility. O local é bem instruído e conta com o trabalho de excelentes profissionais que acompanham cada passo das garotas, apesar de ser uma prisão eles também costumam realizar atividades extras para aproximar as prisioneiras dos antigos hábitos.

A Netflix fez um trabalho incrível documentando a vida de adolescentes presas, pois quase nenhuma gravadora preocupa em relatar a realidade atrás dos muros de uma prisão. Provavelmente muitas pessoas acreditam que o fato da apreensão delas são por puro mérito e escolha de vida, mas assistindo o conteúdo você começa a ter uma visão mais ampla, pois todos os relatos contados por elas mesmas e às vezes pelos funcionários são de extrema influência.

O convívio entre as meninas são regularizados pelos profissionais, elas são separadas por unidades e cada unidade tem o seu momento de lazer, refeição e necessidades básicas. Apesar de o toque ser muito rígido dentro da prisão, elas não deixam de ter sentimentos uma pelas outras, esses sentimentos são variados, por isso, muitas das vezes algumas brigam e outras começam a ter um relacionamento sério. — namoro. — Essas atitudes são significadamente não aceita pelos educadores, quando acontece algo desse nível elas recebem advertência, na qual prolonga seus dias no Centro de Correção Juvenil.

Assistindo ao documentário você vai poder conhecer histórias incríveis com a capacidade de cortar o coração e arrancar lágrimas, o passado de várias das garotas são extremamente tensos e fortes. No conteúdo criado pela Netflix vamos conhecer meninas com a média de 15 a 18 anos, algumas são dependentes químicas, outras agressivas e muitas empenhadas para saírem completamente diferente de quando entrou em Madison Juvenile Correctional Facility.

Leia também:

• 05 Filmes escondidos na Netflix de Ficção-Científica.
• 05 Filmes escondidos na Netflix de Romance.
• 05 Filmes escondidos na Netflix de Comédia.
• 10 séries subestimadas que você deve assistir.

Desencaixados - 2020 | Alguns direitos reservados