Veja as referências da Disney encontradas na série (Des)encanto
31 ago

Veja as referências da Disney encontradas na série (Des)encanto

Notícias

Victor Tadeu

(Des)encanto é a mais nova séria animada para adultos da Netflix, ela chegou ao catálogo do serviço de streaming dia 17 de agosto, mesma data que Para Todos os Garotos Que Já Amei, na qual, ambos os títulos estão fazendo um grande sucesso entre os assinantes Netflix. Do mesmo criador de Os Simpsons, a série carrega um enredo muito semelhante.

Em (Des)encanto iremos acompanhar a vida de uma princesa que está longe de seguir a regras estabelecida no reino, seu pai faz de tudo para ela casar com o príncipe de outro reino para que uma aliança seja formada, mas ela só deseja se aventurar como uma pessoa normal daquela sociedade. Por isso, a mesma vive em aventuras dentro de tavernas, florestas e passa a maior parte do tempo bebendo.

Apesar do grande sucesso algumas pessoas ainda não conseguiram decifrar as referências encontradas dentro das cenas. Assistindo (Des)encanto além de dar muitas gargalhadas, o cinéfilo também vai encontrar personagens de outros títulos, principalmente de produções já conhecidas mundialmente.

Hoje iremos apresentar para vocês algumas referências da Disney encontradas dentro da animação, que por sinal, é para ADULTOS, ou seja, não indicada para crianças. Durante o acompanhamento dessa matéria você pode encontrar alguns spoilers. A alerta foi feita e fica a critério de cada continuar a leitura, aproveite e deixe nos comentários o que achou dessa produção.

1. Peter Pan

Peter Pan é um personagem criado por J. M. Barrie, mas que saiu de uma peça teatral e foi para os cinemas estadunidenses em 1953 pela Disney. Esse foi o 10° longa-metragem produzido pela empresa, na qual, conta a história de Wendy indo até a Terra do Nunca junto com seus irmãos, já que os pais não estão em casa.

Sininho foi a responsável por dar poderes de voar aos humanos, a fada lançou um pozinho mágico para que eles possam se transportar de forma mais engajada até à Terra do Nunca, onde esse grupo de amigos vivem uma aventura totalmente arriscada e instigante.

No primeiro episódio de (Des)encanto iremos conhecer uma personagem, na qual não é nomeada, mas que apresenta de forma notória ser uma sátira da Sininho, a fada alimentada por sentimentos fofo em Peter Pan. Na animação ela encontra uma aparência totalmente divergente e demonstra ser bastante gananciosa, assim, sendo o oposto do longa-metragem.

A personagem é apresentada na cena em que a princesa, o elfo e o demônio estão fugindo do pretende da princesa e seus guardas. A possível Sininho aparece perguntando se eles desejam um truque e a princesa diz que deseja ser livre das regras estabelecida pelo governo, e a fada simplesmente diz “Ei, pode ir parando aí. Desejos são grátis, não trabalho de graça.”. A cena é hilária e bem trabalhada.

2. Bambi

Bambi é um filme estadunidense produzido em 1942 e é bastante reconhecido por uma grande parte do mundo, ele conta a história de um veado criança aprendendo a lidar com a maldade do mundo junto com a sua mãe. O longa-metragem foi lançado pela Disney em seu mesmo ano de produção, sendo que é uma adaptação do livro escritor por austríaco, Felix Salten.

Na história acompanharemos o animal vivendo junto com sua mãe e seus amigos na floresta, porém um certo dia a sua única responsável some é morta por caçadores. Em 2006 foi lançado uma continuação chamada Bambi ll e mostra o afeto do veado ao lado do pai, que no primeiro filme é bastante ausente.

Bambi aparece na cena em que a princesa, o elfo e o demônio decidem descansar para continuar a jornada, nesse momento eles estão fugindo do pretendente extremamente safado da princesa. Em uma floresta em onde Sininho mandou seguirem, eles esquentam uma fogueira e adormecem.

É nesse exato momento que o veado aparece para trazer um humor dentro da cena. A sua participação é rápida e direta, assim, fica claro que o intuito foi satirizar o animal, o mesmo pronuncia a frase ao se deparar com o trio de amigos dormindo “Um elfo com uma humana. Que doentio”.

3. A Dama e o Vagabundo

A Dama e o Vagabundo é um clássico da Disney lançado em 22 de julho de 1955 e sendo o décimo-quinto longa-metragem produzida pela empresa. Ele é um romance baseado no livro de Ward Greene e é bastante conhecido até hoje pelas crianças, principalmente por ser uma história emocionando e sensível.

Nele iremos conhecer a história de um vira-lata tentando se aproximar de uma cachorra criada em casa, assim, os dois começam a se relacionar mais e mais, até desenvolverem sentimentos um pelo outro. O filme tem uma sequência publicada em 2011 e também foi bem repercutida,

No segundo episódio o trio de amigos são pegos, pois acabam ficando sem saída e todos se entregam. Como um elfo não era visto há anos naquele reinado, o rei oferece uma recompensa para quem encontrasse o elfo junto com a princesa e quando pegos, o pobre e solitários — também safado — acaba sendo utilizado para uma experiência mágica.

Um “profissional” do assunto começa retirar o sangue do elfo para fazer o teste da mágica, mas o mesmo falha ao matar um cobaia que é arremessado para os porcos poderem se alimentar. Só que, mais tarde a princesa consegue entrar no local que está sendo feito a experiência e olha para os porcos, onde dois estão se alimentando com o resto do humano e reproduzem a clássica cena da Dama e o Vagabundo beijando ao comer um prato de macarrão/tripas.

4. Mulan

Mulan é uma princesa que foi criada em 1998, ela é muito querida no universo da Walt Disney devido à sua imensa coragem em se passar de homem no exército chinês para tomar o lugar de seu pai, já que mulheres não podiam entrar no batalhão. Recentemente foi confirmado pela Disney uma adaptação em filme live-action da princesa.

O título conta a história de uma mulher que integra no exército da sociedade em que vivia, porém ela se passa de homem, já que, o mesmo não permitia o acesso de mulheres. Então a disfarçada cria hábitos dos homens ali treinados para derrotar o governo machista e totalmente errado do seu pai.

A princesa de (Des)encanto têm muitas personalidade em comum com Mulan, ambas lutam para uma independência maior e, pelo incrível que pareça, contra o reinado de seus pais. Alguns podem até não concordar, mas a cena em que a princesa está tomando banho é bastante semelhante ao da Mulan, sendo que, as duas são banhadas por uma mulher dentro de uma banheira totalmente decepcionada e a empregada feliz.

Esse momento é desferido quando a princesa tem que se arrumar e preparar para casar com o príncipe, um casamento forçado e muito importante no reinado. Ela questiona com a empregada sobre a sua liberdade, na qual, nunca existiu.

Leia também:

Tudo sobre o filme Para Todos os Garotos Que Já Amei
Tudo sobre o live-action de Mulan
• Por que filmes de animação não são só para crianças?
• 05 Filmes escondidos na Netflix de ANIMAÇÃO

Comentários