Autora comove platéia ao falar toda verdade sobre o incentivo literário em escolas
05 dez

Autora comove platéia ao falar toda verdade sobre o incentivo literário em escolas

Notícias

Victor Tadeu

Há algumas semanas foi realizado em Campinas (SP) às 15:00 horas do dia 25 de Novembro um a Coerência Literária 4, um evento organizado e mediado pela Editora Coerência com o intuito de unir autores, leitores e blogueiros para conversar e debater saudavelmente sobre determinado assunto. A quarta edição foi sobre antologias e contou com a presença de vários autores publicados e não publicados pela casa editorial na bancada.

Durante o evento cada autor se apresentou para a plateia já conquistando cada um aqui estava li e também na live do Facebook. Só que, Evelyn Santana, uma autora que veio de Brasília prestigiar quatro eventos organizados pela Editora Coerência conseguiu impressionar todos soltando a maior verdade sobre o quadro da literatura nacional dentro das escolas públicas.

Foi feito uma pergunta pela live do Facebook e a Giovanna Vaccaro que estava ajudando na transmissão direcionou a pergunta para a autora. “O que você acha do cenário literário nacional? O que você acha que é preciso que os leitores leiam e consumam mais livros nacionais?”, a pergunta foi feita. Inicialmente Evelyn afirma como autora e leitura que o cenário literário nacional vem ganhando mais força, mas logo adiante solta a verdade.

“As escolas precisam parar de empurrar Machado de Assis em adolescentes de 14 anos”, a resposta da autora comoveu todos, pois a linguagem é rígida e não consegue fazer o jovem ter interesse em histórias do tipo. Como ela mesmo exemplificou, provavelmente uma pessoa vai gostar de clássicos da literatura nacional quando crescer, que foi o caso dela.

Além disso, a autora aproveitou para parabenizar a editora que vem trabalhando, pois a Editora Coerência buscar ir em escolas para incentivar a literatura nacional contemporânea para os pequenos. Lilian Vaccaro, a editora-chefe diz que os pequenos estudantes demonstram interesses dentro dos eventos escolares, mas não conseguem ler um clássico com vocabulário pesado.

Assista a live

Comentários