CRÍTICA – Guardiões da Galáxia Vol. 2
06 maio

CRÍTICA – Guardiões da Galáxia Vol. 2

Filmes

Julia Giarola


Filme:
Guardiões da Galáxia Vol. 2
Título original: Guardians of the Galaxy Vol. 2
Data de lançamento: 27 de abril de 2017
Duração: 2h 16min
Direção: James Gunn
Gênero: Ação, Ficção Cientifica
Nacionalidade: EUA
Sinopse: Agora já conhecidos como os Guardiões da Galáxia, os guerreiros viajam ao longo do cosmos e lutam para manter sua nova família unida. Enquanto isso tentam desvendar os mistérios da verdadeira paternidade de Peter Quill (Chris Pratt).

Nesta tão esperada sequência do filme que todos amaram, os Guardiões da Galáxia precisam lutar para manter sua recém descoberta família unida, enquanto descobrem os mistérios sobre o verdadeiro pai de Peter Quill. Antigos inimigos se tornam aliados e personagens conhecidos e amados dos quadrinhos virão ao auxílio dos heróis.

O universo cinematográfico da Marvel se tornou um fenômeno mundial, com seus filmes interligados e histórias bem desenvolvidas. Os longas lançados todos os anos são sucessos de bilheteria, além de gerarem enormes expectativas. O primeiro Guardiões da Galáxia, porém era um desconhecido, pois muitos não eram familiares com os quadrinhos. O filme gerou muita discussão e intriga durante seu ano de lançamento dividindo muito o público. Assim que este estreou, não deixou nenhuma dúvida. O filme ambicioso e inovador conquistou e surpreendeu os fãs com seu humor e elenco carismático. E, foi desta maneira que Guardiões da Galáxia não apenas elevou o novo universo da Marvel, mas também se tornou essencial para seu futuro.

Agora, com a atenção completa do mundo inteiro, um dos filmes mais esperados do ano tinha muito a suprir, tendo que encarar uma responsabilidade significantemente maior que o primeiro filme. E assim fez! Guardiões da Galáxia Vol. 2 consegue manter o estilo que o tornou famoso e ainda consegue ser seu próprio filme. Agora com os personagens já estabelecidos, a sequência tem tempo para desenvolver os relacionamentos entre os integrantes e também outros personagens coadjuvantes.

A cena de abertura é um pouco brega, fazendo a audiência se preocupar um pouco com resto do filme, mas isso logo muda. Com uma cena de crédito divertida, o longa já nos coloca de volta no filme que tanto amamos. Os personagens são familiares, fazendo o público se investir ainda mais na história, além de apresentarem um desenvolvimento muito mais complexo nesta sequência, o que adiciona outra dimensão ao roteiro de James Gunn. O destaque do elenco é Michael Rooker que interpreta Yondu e balanceia perfeitamente os elementos de seu personagem.

O roteiro mantem o humor do primeiro filme e apresenta uma trama que flui muito bem. É claro que nem todas as piadas são engraçadas, mas isso é normal quando se possui um público alvo tão vasto. Os diálogos têm um tom perfeito para os atores, que elevam o material. A boa direção ajuda o filme a ser engraçado e divertido, sabendo controlar os diversos elementos da história. As sequências de ação também são um exemplo da direção de James Gunn, que não deixa nada a desejar.

Os efeitos especiais são maravilhosos assim como a direção de arte do filme. Os visuais transformam o longa, que deixa de ser apenas mais um filme divertido e passa a ser um espetáculo visual. Com certeza um filme para assistir em 3D! A trilha sonora, uma das assinaturas do primeiro Guardiões da Galáxia também é incrível, encaixando perfeitamente nas cenas além de trazer algo mais à história. O filme está repleto de referências tanto ao primeiro filme, quanto ao universo da Marvel, incluindo, é claro Stan Lee. Guardiões da Galáxia Vol. 2, porém não constrói uma ponte para os próximos filmes da Marvel, como era esperado, em vez disso segue sua franquia independentemente. Isso não significa que os filmes não façam parte do Universo Marvel, apenas não se apoiam totalmente neste, como muitos outros.

Guardiões da Galáxia Vol. 2 está agora nos cinemas e é um filme excelente.  E sim, possui cenas pós-crédito, e não é apenas uma!

Nossa nota é:

Assista ao trailer:

 

Leia também:

Comentários