E Se Ela Soubesse?
29 nov

E Se Ela Soubesse?

Destaque

Victor Tadeu

Título: E Se Ela Soubesse?
Autora: R. Christiny
Editora: Lura
Gênero: Suspense/Mistério
Número de páginas: 265
SKOOB

Adquira aqui: ######

Sinopse: Tenho algo para lhe contar. Calma, não se assuste, antes de tudo, preciso que se sente.Eu sei que isso pode fazer com que eu nunca mais a veja, mas preciso lhe dizer que eles têm razão; eu o matei. Sim, mãe, em minhas roupas está seu sangue, cada camisa minha tem o cheiro de outras vidas que eu tirei impiedosamente. Sei que não estava preparada para saber tudo isso, porém, precisava dizer a alguém o quanto eu ria enquanto passava lâmina por aquele corpo imundo. Espere… Não fuja, ainda não acabei. Há outra coisa que preciso lhe dizer. Estou sendo atormentado, mãe, ele voltou das cinzas, eu vejo seu corpo ensanguentado por toda parte, mas sabe qual é a pior parte? Ele quer se vingar. Sei o quanto isso é horrível, mas não me arrependo do que fiz.
Antes que eu me esqueça, você precisa saber que eu vi uma linda mulher aqui, ela também pareceu ter gostado de mim, nossos olhos se encontraram e eu senti algo estranho, algo…bom. Mas ouça, mãe: Ela não sabe os reais motivos de eu estar em um manicômio. Esse será um segredo nosso, preciso que não conte nada a ninguém, e acima de tudo, preciso que não conte nada a ela. Acha que pode fazer isso?

Sobre a autora

Renata Cristina, brasileira, 21 anos, sagitariana, formada em letras e nascida em São Paulo. Sou apaixonada por livros de suspense e ficção, mas não abro mão de um bom romance. Escrevi meu primeiro livro aos 13 anos e aos 20, fiz minha primeira publicação. Tudo graças ao livro “sobre a escrita” de Stephen King, que ganhei de uma amiga da faculdade — ela acertou em cheio. Essa obra foi i que me motivou a continuar com o sonho de me tornar escritora, pois foi com ele que percebi que para ter um sonho realizado é necessário batalhar e, acima de tudo, não desistir. A batalha é difícil, mas a vitória é certa. Foi nisso que Stephen acreditou e é nisso que eu acredito.

Comentários